Moça com Brinco de Pérola (Girl with a Pearl Earring- 2003)

Moca-com-Brinco-de-Perola-papo-de-cinema-5

por Mariana Guarilha 

trabalhandoJohannes Vermeer, pintor do século XVII vive o drama de ter alimentar sua grande família e ainda assim manter a arte em seu trabalho. Está constantemente enfrentando as cobranças de sua esposa, e até mesmo os empregados o julgam quando demora meses a entregar seus quadros aos mecenas, ainda que a família contraia dívidas até mesmo para se alimentar.

Griet é uma camponesa filha de um pintor de cerâmica que se vê cego e é obrigado a enviá-la para cidade para trabalhar como criada. Quando chega a casa de Vermeer é delegado a ela tarefas comum, como cuidar da roupa e ir ao mercado buscar carne e limpar o estúdio do mestre quando ele não estivesse pintando. Com o tempo fica claro o interesse de Griet pela pintura, o que gera alguma condescendência por parte do mesmo que com o tempo transforma-se em legítima amizade.

a-moça

pub09Vermeer passa a conversar sobre suas pinturas dom Griet e passa a delegar tarefas do estúdio como a preparação dos pigmentos.Quando um mecenas conhecido por desrespeitar uma criada que posou com ele em um quadro anterior coloca suas atenções inconvenientes em Griet, Vermeer faz um estranho trato para protegê-la, a tornando assunto de um novo quadro para seus mecenas, a ser retratada sozinha.

Para retratá-la o mestre passa cada vez mais tempo com sua criada, que por sua vez demonstra algum fascínio por ele , mas continua a viver normalmente, despertando inclusive o interesse do filho do açougueiro.

Como os dois personagens falam muito pouco, a história é contada em olhares e entrelinhas fazendo com que o filme seja extremamente sutil e delicado. O filme foi baseado no livro de Tracy Chevalier.

vermeer02

Anúncios

Para sempre Cinderela (Ever After-1998)

por Mariana Guarilha Wallpaper-ever-after-32189707-1280-720

downloadO filme que foi um dos meus preferidos na adolescência, conta a história de Cinderela de uma maneira um pouco mais realista onde a fada madrinha é substituída por um personagem histórico e a magia é substituída pelo amor. Também a vilania da madrasta e sua filha mais velha é mostrada apenas como mesquinhez e falta de escrúpulos.

A história começa com uma descendente direta de Danielle de Barbarrat, a nossa Cinderela conversando com os irmãos Grimm e se dispondo a oferecer alguns detalhes, como prova de tudo aquilo que conta, ela mostra um sapatinho de vidro e conquista a atenção de seus interlocutores. Todos os elementos da história que conhecemos desde a infância estão presentes: Danielle dorme na beira da lareira, é tratada como criada pela madrasta e suas meio-irmãs , também há um baile em que o príncipe escolherá sua noiva, um sapatinho e um desencontro, porém as similaridades terminam por aí.

968full-ever-after--a-cinderella-story-screenshot

Drew Barrymore as Danielle De Barbarac in Ever After A Cinderella Story (1998).A começar pela personalidade de Danielle, ela não é apenas uma moça servil que desconhece a maldade das mulheres a sua volta, ela reconhece seu lugar de criada naquela casa  e só desafia sua posição social quando precisa salvar um velho plebeu, vítima da vilania de sua madrasta. Apesar de viver como criada e não gozar de nenhum luxo, o gosto pela leitura que foi cultivado pelo seu pai, faz com que Danielle seja culta e tenha uma vantagem diante da ignorância  das mulheres na sociedade.E apesar das intempéries que enfrentou quando o pai morreu rebaixando seu lugar na sociedade, Danielle conquistou certa liberdade com o descaso de sua “família”.

Para Sempre Cinderela - wallpaper

leodavinci1A Cinderela é apresentada a todos nós como uma jovem que sabe filosofia, consegue se defender e luta pelos mais fracos, e é isso que faz o príncipe se apaixonar, e não sua beleza como na versão Clássica. Nos primeiros encontros fica claro o quanto a jovem o desconcerta e o fascina e nada é dito sobre sua aparência, mas sobre sua personalidade.

Também Henry, o príncipe, é retratado de modo diferente: ele precisa da ajuda de sua heroína romântica para escapar a malfeitores, e também são os ideias da amada que lhe dão inspiração para ser um monarca melhor. A princípio ele demonstra defeitos claros, tendo preconceitos a respeito das classes subalternas e sendo manipulado pelos pais a realizar coisas que não gostaria.

Outro destaque, é a figura escolhida para ser o benfeitor do casal, ninguém menos que Leonardo da Vinci. O célebre personagem histórico é o responsável por dar a ideia de um grande baile para que o príncipe escolha a sua noiva e também pelo toque final no vestido de baile de Danielle: As asas da borboleta.

Durante muito anos, o vestido de Danielle no baile foi a imagem que eu guardei da Cinderella de Drew Barrymore. Outro destaque é a interpretação de Anjelica Huston,  com sua madrasta quase delicada demais para carregar tanta vilania.

breathe9

Emma (1996)

por Mariana Guarilha

Emma-gwyneth-paltrow-310396_1000_658

p18143_p_v8_acDirigido por Douglas McGrath e com grandes nomes como Gwyneth Paltrow, Alan Cumming e Ewan McGregor, esta adaptação do texto de Jane Austen para o cinema tem momentos memoráveis.

Emma é uma jovem que acostumou-se a ocupar um lugar de destaque na comunidade, apesar de sua pouca idade. Além das responsabilidades de sua posição social também está acostumada a gerenciar a casa de seu pai, pois vive sozinha com ele. Nessas condições o casamento dificilmente seria uma imposição em sua vida, e o romance também não parecia um interesse cultivado. Pelo menos não um romance para si mesma, já que Emma gabava-se de ter conseguido um ótimo casamento para sua preceptora.

Com poucas opções a não aproveitar-se da escassa vida social, logo Emma toma sobre sua proteção a jovem Harriet Smith e desencoraja um casamento com um pequeno arrendatário convencendo-a de que vigário era uma alternativa mais acertada. Naquela época poucas profissões eram consideráveis honoráveis aos cavalheiros mais pobres, normalmente eles poderiam escolher entre a política, a igreja ou o exército. Apesar do Sr. Martin ter certo respeito como fazendeiro, ele não estava a altura de socializar com a nata da sociedade ao contrário do vigário.

maxresdefault

cummin-eltonO problema era que o vigário, Mr. Elton também tinha ambições para si e considerava a pobre Harriet que nem ao menos tinha uma linhagem comprovada inferior, e sua ambição o fez sonhar com um casamento que elevasse seu status social.

Assim como no clássico de Jane Austen, a história da Miss Fairfax e seu romance proibido ficam em segundo plano, para que assistamos atentos o incipiente romance entre Emma e seu vizinho. Tanto a história de Winston quanto a do Senhor Martin parecem mais dignas de nota do que o romance entre os protagonistas. É quase como se a própria Emma estivesse em nosso lugar quando lemos tais romances.

Confesso que Emma não é meu romance favorito de Austen, apesar de admirar a engenhosidade de deixar os pares dignos de romances de época em paralelo, enquanto foda sua história no típico casamento da sociedade. Ao contrário da maioria das pessoas com quem converso a respeito do romance, eu não sou uma grande fã de Mr. Knightley. Creio que há um componente um tanto doentio em um homem que pensa estar preparando desde sempre a vizinha adolescente para ser sua esposa.

Embora essa não seja minha adaptação preferida de Emma, tenho um grande carinho por que foi a primeira que conheci, e fez com que me interessasse o suficiente para procurar o livro que lhe deu origem.

E_1996_2633

5 Filmes para permanecer no Clima das Olimpíadas

Garota Fantástica (Whip It – 2009)

Whip_It_(2009_film)_posterSob a direção de Drew Barrymore ,Ellen Page vive a adolescente Bliss Calendar. A mãe de Bliss tenta reviver através dela seus dias de glória em concursos de beleza, porém sua personalidade demonstra que ela não se encaixa nas aspirações da mãe.

Apesar da aparente fragilidade de Bliss, sua vida passar por uma transformação quando ela consegue se destacar no Roller Derby, um esporte de contato que envolve estratégia e muito destreza sobre os patins.

O filme que tem os dramas comuns de um blockbuster, é também bastante didático ao nos apresentar ao esporte, parte do mérito deve ser de Shauna Cross que ficou conhecida como praticante do Roller Derby.

16831720

tumblr_nyik7q3f1l1qb9yqco10_1280.jpgMenina de Ouro ( Million Dollar Baby- 2004)

Talvez o boxe merecesse uma lista de filmes a parte devido ao grande número de sucessos e a excelência dos filmes em que é retratadoEm Menina de Ouro, Maggie é obrigada a enfrentar o preconceito e o desencanto de seu treinador. Frankie tem problemas de relacionamento com a própria filha com quem não fala a anos e a princípio não parece disposto a criar qualquer laço com sua aluna.

Menina de Ouro é um drama pesado, o roteiro de Paul Haggis  não nos pouca à comoção. A história foi baseada em uma série de contos de F.X. Toole.

million-dollar-baby-2004-14-g

Um Sonho Possível (The Blind Side- 2009)

19874256.jpg-r_1280_720-f_jpg-q_x-xxyxx“Big Mike” é um jovem em situação vulnerável, filho de uma viciada em drogas , ele anda de lar em lar temporário. Seu tamanho e aptidão para o futebol americano impressionam um treinador local. Leigh Anne Tuohy se compadece quando percebe que “Big Mike” não tem para onde ir e pretende dormir no ginásio.Lentamente o rapaz se torna um membro da família e Leigh Anne passa a preocupar-se com sua carreira e seu futuro.

Tenho minhas ressalvas com o filme, pois “Big Mike” é retratado como um coadjuvante de sua própria vida. Apesar do filme, baseado em uma história real, propor-se a contar a história de um jovem negro e órfão que conseguiu tornar-se um atleta conhecido e admirado, a maior parte do tempo percebemos que é a bondade e sensibilidade de Leigh Anne, vivida por Sandra Bulock, que tem o destaque no roteiro. Ainda assim, o filme tem o mérito de fazer com que até mesmo eu que não tenho grande interesse por esportes e não entendo nada de futebol americano me envolva com o drama retratado.

um_sonho_possivel.jpg

Jamaica abaixo de Zero ( Cool Runnings – 1993)OT_cool-runnings4

O filme foi inspirado pela história real da primeira equipe da Jamaica, país de clima tropical, nas Olimpíadas de Inverno de 1988. Para treinar  os atletas tinham que simular condições que não eram fáceis de ser emuladas em seu país de origem.

No filme , a equipe de bobsleigh, é uma alternativa para Derice Bannock, que após sofrer um acidente estaria impedido de competir nas Olimpiadas de verão como velocista.Entre  a concepção de formar uma equipe de bobsleigh, o treinamento e os desafios da equipe desacreditada por muitos, o filme oferece uma história leve e divertida.

Para quem não está familiarizado, o bobsleigh é disputado em equipes de duas a quatro pessoas, onde um trenó desce uma pista de gelo sinuosa impulsionado pela gravidade, podendo chegar a até 150 km/h em média.

historias_reais_04_jamaica

Rocky – Um Lutador (1976)

Rocky_DVDRIP_Xvid_DubladoRocky  é um lutador de boxe medíocre que ganha seu sustento fazendo cobranças para um agiota. Quando Apollo Creed , atual campeão dos pesos-pesados tem a ideia de dar a um desconhecido a oportunidade de lutar com ele, o então desconhecido Rocky tem a chance de mudar para sempre a sua vida.

O filme gerou uma franquia de sucesso com Rocky II estreando em  1979 , Rocky III em 1982, Rocky IV em 1985 e Rocky V em 1990. Em 2006  a série de Sylvester Stallone  provou que continuava atual com Rocky Balboa. 

No ano passado Stallone voltou a viver Rocky no cinema no filme Creed: Nascido para Lutar que contou a história do filho de Apollo Creed, personagem que nos foi apresentado no filme de 1976.

Rocky9

Namorados de Papel

1- Mr. Darcy (Orgulho e Preconceito)

 

Ele é rico demais, um tanto orgulhoso e não é exatamente a companhia mais agradável em uma festa popular, porém sua declaração de amor a Elisabeth Bennet fez todas nós suspirarmos, seja no texto original de Jane Austen ou nas inúmeras adaptações no cinema e na televisão. Todo herói romântico taciturno costuma ter um pouco de Mr. Darcy.

2- Mr. Thorton (Norte e Sul)

 

Quando a burguesia ascendia e a indústria criava uma elite sem sangue nobre, Mr. Thorton teve que convencer Margareth Hale que não era só um bruto endinheirado. Seu amor pela família, e a delicadeza com que tratou seu relutante par romântico fazem deste mocinho taciturno um dos meus prediletos, um grande acerto da escritora Elizabeth Gaskell.

3- Gareth St. Clair (Um beijo inesquecível)

Os Bridgertons - Evolução

Hyacinth não era exatamente uma mulher fácil de se amar devido a suas excentricidades e ao costume de falar tudo aquilo que pensava. Mesmo que tenha fama de libertino e a aparência de um anjo, Gareth julgava-se não merecedor de Hyacinth. Sua paciência e delicadeza, o desprendimento ao pedir ajuda quando necessário fazem de Gareth um dos heróis prediletos entre aqueles escritos por Júlia Quinn.

4- Cam Rowan (Desejo a meia noite)

 

Cam Rowan tinha um desafio diante de si quando apaixonou-se por Amélia Hathaway.No primeiro livro da série Os Hathaways,  que conta a história de uma família excêntrica que veio a fazer parte da nobreza por acidente, ele só tem desafios a vencer. Após a morte de seus pais, Amélia se responsabilizou por cuidar dos irmãos e não desejava se casar. Cam é cigano e sofre o preconceito da sociedade, apesar de ser rico e ter uma personalidade conciliadora. A forma com que trata com paciência e cuidado toda a família maluca de sua amada e se dispõe a resolver os conflitos é a melhor declaração de amor que alguém poderia receber. Lisa keyplas deixa claro que não haveria como alguém resistir aos seus encantos, nem mesmo a teimosa Amélia.

5- Sir Hugh ( The sun of all kisses)

Hugh Prentice após uma noite de bebedeira com os amigos, desafiou um colega para um duelo. Quando sóbrio, ele era um excelente atirador, e por isso confiava não acertar o alvo. Quis o destino que ele acertasse Daniel no ombro e que este perdesse o controle de sua arma fazendo com que Hugh tivesse uma grave lesão em sua perna. Anos depois ele teve a chance de mostrar ao mundo que as desavenças já foram perdoadas comparecendo ao casamento de Daniel. Filho de um pai cruel e dono de uma vontade férrea que o faz avançar mesmo que a dor limite seus movimentos, Hugh nunca desistiu de levar uma vida normal. Outro motivo para me afeiçoar ao personagem é que ele não é exatamente paciente com a arrogante prima de Daniel que insiste em destratá-lo.

 

Por que não vou assistir Como eu era antes de você

por Mariana Guarilhamaxresdefault

Como eu era antes de você , de Jojo Moyes tornou-se um “best-seller” com a história de licrocomouma moça que se apaixona por um deprimido tetraplégico, amor que transforma sua vida.Em alguns pontos o livro me lembrou “Tudo por amor”, sucesso do cinema nos anos noventa.

O seu protagonista, de início é um grande “lugar-comum” dos “chick-lits”: rico, orgulhoso, controlador, e extremamente bonito, Will possui a vida perfeita, até que em um dia de chuva é atropelado ao sair para o trabalho e fica tetraplégico. Louisa Clark também tem muito em comum com a protagonista desse tipo de livro, é bonita, porém extremamente insegura, não possui grandes ambições e também teve sua vida marcada por uma grande tragédia no passado.

Louisa manteve seu emprego da adolescência por muito tempo, e só o deixou quando o café em que trabalhava fecha suas portas. Ela se mantém morando com os pais, a irmã mãe-solteira e um avó idoso que exige cuidados especiais desde que teve um derrame. Seu salário era importante para equilibrar as contas da casa e por isso ela é obrigada a procurar outro emprego enfrentando sua falta de qualificação.Após alguns insucessos é levada até a casa de Will Traynor para concorrer a uma vaga de cuidadora, mesmo sem qualificação.

08bb8338797a92b0540fac612c7e494e

Will Traynor está profundamente deprimido após o acidente que o prendeu a uma cadeira de rodas, e que restringe seus movimentos do pescoço para baixo. Ele é um problema para os empregados que sua mãe contrata para mantê-lo, pois é amargurado e seu mau humor e tratamento rude seria um desafio ao mais empenhado. Os retratos pela casa mostram que ele foi um homem ativo, apaixonado por esportes radicais e viagens. Contrariando as expectativas de Louisa ele também é jovem e bonito.

mebeforeyou2

main_me_before_you_trailer_sml_1bb7qi0-1bb7qijA escrita de Jojo Moyes é fácil de acompanhar, e ela é muito competente ao estabelecer seus personagens, fazendo com que você entenda as suas motivações. Quando fiquei sabendo que ela se propunha a contar a história de amor de um homem tetraplégico, me interessei por que achei que ela romperia algumas barreiras e apresentaria algo diferente dos romances cheios de erotismo barato que tem feito tanto sucesso. Porém me incomoda muito o fato de no final ela ter se prendido demais na tragédia ao falar sobre a  vida de Will.

como1

Quando a literatura de entretenimento, ou mesmo o cinema se propõe a contar a história de uma pessoa com deficiência é comum cair nessa erro, e conforme eu ia lendo tive minhas esperanças frustradas de que tudo o que foi contado sobre o Will não recaísse em narrar sua condição apenas como tragédia, caindo no perigo da história única (se ainda não conhece essa maravilhosa palestra da escritora Chimamanda  Ngozi Adichie, por favor corrija isso e assista). Eu até entendo que a autora quis colocar uma discussão sobre eutanásia em sua história de amor, porém já vi muitas vezes a história de deficientes serem narradas apenas como tragédia, e não quero ver de novo.

me-before-you-trailer

Longe deste Insensato Mundo (2015)

por Mariana Guarilha

6FjTTl3

Thomas Vinterberg, diretor famoso por integrar o movimento Dogma 95, nos agracia com essa adaptação da obra de Thomas Hardy (o mesmo que escreveu Tess d ‘Ubberville).

Longe deste insensato Mundo conta a história de Batsheba Everdene (Carey Mulligan), uma mulher forte e de espírito independente que se vê dividida quando atrai o interesse de três homens:

getImage

  • Gabriel Oak  (Matthias Schoenaerts), um lavrador que vive as voltas com sua má sorte-Oak conheceu Batsheba bem jovem e se encantou com a menina que andava livre por suas terras. Quando um revés do destino faz com que ele decaia na escala social e ela ascenda, ele passa a temer demonstrar seu interesse.

213941

  • Frank Troy (Tom Sturridge),um capitão tão belo quanto temerário – O sargento Troy, um mulherengo com graves problemas financeiros se envolve com Batsheba, porém parece se ressentir da perda de algumas liberdades.

foto-lejos-del-mundanal-ruido-2015-3-575

  • William Boldwood (Michael Sheen),um rico proprietário de terras – O mais maduro dos pretendentes de Batsheba é um homem gentil e possui uma considerável riqueza, o que garante que seu interesse primordial no casamento não é tomar pose dos bens de sua esposa, porém não oferece arroubos de paixão

Imagem_619x400-longe-desse-insensato-mundo3Quando mais jovem, antes de receber uma herança que garante seu futuro, Batsheba já não estava disposta a se casar somente para garantir seu futuro, agora que tem os meios que garantem sua subsistência está ainda menos inclinada a escolher uma aliança que não a faça plenamente feliz.

O filme é tecnicamente impecável, com uma fotografia de tirar o fôlego e a direção consegue boas atuações de todos os atores. O roteiro assinado por  David Nicholls (Um Dia) parece se estender em algumas cenas um pouco mais que o necessário, mas isso não chega a ser um problema, já que emula a sensação de ler um livro por dias.

489113

Filmes Da Semana – Dicas da Paty

Neste dicas da semana selecionei uma excelente comédia em família, um clássico repaginado, um ator de comédia fazendo um filme de ação de tirar o folego e um drama que fará torcer e chorar pela mocinha. Espero que gostem!

victor-frankenstein-poster

Victor Frankenstein (2015)

Neste clássico repaginado, Daniel Radcliffe interpresa Igor, um prodígio autodidata e corcunda que trabalha no circo local até ser resgatado por Victor (James McAvoy) um médico brilhante a beira da loucura que após perder o irmão tem como missão de vida conseguir trazer os mortos de volta a vida. Excelente ambientação e figurino de época também conta com bom elenco.

 

 

 

noescape

Horas de Desespero (2015 – No Escape)

Comecei a ver o filme achando que seria comédia, nunca imaginei Owen Wilson em um filme de açã0 como este, que nos faz perder o fôlego e sair da sala para tomar um ar. Quando o jovem Jack se muda com a família a trabalho para o Leste Asiático não imaginava que chegariam em meio a um Golpe de Estado e que eles seriam parte do alvo.

 

 

 

 

__5637ce0b421a9

 

Joy: O nome do Sucesso (2016)

Inspirado na história real da inventora de produtos domésticos Joy Mangano, uma mulher persistente e determinada a mudar de vida, e que desde pequena era incentivada pela sua avó e desacreditada por todo o resto. A falência e a falta de estímulos não foram suficientes para deter essa feroz mãe de dois filhos, que com a ajuda do ex marido e sua melhor amiga alcançou o sucesso e faz bonito até hoje, uma história inspiradora. Conta ainda com uma elenco de estrelas, Robert De Niro, Bradley Cooper e Jeniffer Lawrence que concorreu ao Oscar 2016 de Melhor Atriz e digo que ela está magnifica neste filme.

 

Bem Armadas (2013 – The Heat)

as bem armadas

Nesta comédia hilária Sandra Bullock e Melissa McCarthy são parceiras na polícia e lutam  contra o crime na comunidade. Eu adoro as duas atrizes,  e as acompanho nas comédias que atuam com outros pares.Um filme com as duas juntas não poderia ser nada além de fantástico, com um humor leve para toda a família, essa aventura rende ótimas risadas. O filme é cheio de confusões, caras e bocas e muitos desastres.

 

cena-da-comedia-as-bem-armadas-estrelada-por-sandra-bullock-e-melissa-mccarthy-1379562503571_956x500

 

 

Relembrando: Glee

glee1por Patrícia Azuaga

Sou fã de boa música e séries e quando juntam as duas então, é fácil me conquistar! Se você não conhece o seriado Glee, exibido pela Fox e com algumas temporadas disponíveis pelo NetFlix, está perdendo uma boa motivação para cantar no chuveiro. Então vamos lá, embarque nesse post sobre a série cancelada que buscou retratar o mundo dos excluídos.

Glee é composto de 6 temporadas, foi exibido de 2009 a 2015 em mais de 60 países e cancelado pela queda de audiência, talvez pela queda da qualidade do enredo e falta de imaginação da produção. Foi composto por atores desconhecidos em sua maioria, inclusive gerou um reality show musical para escolha de novos membros do elenco. A banda renomada Coldplay foi uma das únicas que não havia autorizado a reprodução de suas músicas, mas acabou cedendo á pressão dos fãs. Tanto sucesso lhes rendeu duas turnês de shows, vários prêmios que incluem três Globos de Ouro, quatro Emmy Awards, seis Satelit Awards e cinquenta e sete outros prêmios. Muitos atores e atrizes se lançaram rumo ao estrelado após participação na série, o que é ótimo porque eles realmente são bons.

top-5-glee-performances-credit-musicrowgirl-com-818204

A série gira em torno de um grupo de coral do colégio McKinley formado pelos rejeitados conhecidos como o Glee Club, ou Loosers (por isso nas fotos fazer o L na testa, no Brasil significa perdedores), sua dedicação para chegar a competição das regionais enquanto tem que lidar com diversos temas como exclusão no ensino médio, bullying, aceitação sexual, homofobia, gravidez na adolescência, divórcio, competitividade, trabalho em equipe, casamento gay, fobias, T.O.C, entre outros, e isso tudo trazendo para uma visão adaptada ao mundo infanto-juvenil de uma forma delicada e sincera é surpreendente.

btp1l7bj7yy5gx7pfxn9zvyxp

Em 2013 ocorreu uma tragédia, o ator Cory Monteith (Finn) foi encontrado morto no quarto de um hotel, a morte foi causada por uma mistura de substancias químicas e álcool, o jovem ator já havia passado por varias reabilitações e acreditam que não foi suicídio. A sua namorada na vida real e na ficção Lea Michele (Rachel) assim como todo o elenco ficaram arrasados, foi realizado um tributo no 3° episódio da 5° temporada (muito lindo, emocionante).

55Mesmo com o crescimento e formação dos alunos, a mudança de endereço e vida acadêmica em NY, a chegada de uma nova turma ao colégio McKinley, todas as tentativa de novos ares para manter o público não foi o suficiente, sendo anunciado o cancelamento da série na 6° temporada, fazendo todos retornarem a casa e finalizarem com chave de ouro. Na minha opinião um encerramento triunfal, nada do que mais merecido para todo o elenco e produção de Glee. O primeiro episódio da 6° temporada já começa com destaque para a música tema do filme Frozen, o que me arrancou suspiros e lágrimas. Deixo aqui meu agradecimento a todos que fizeram meus dias mais coloridos e musicados.

glee_6_01

 

 

 

Shadowhunters – O que funcionou na adaptação para a TV?

por Mariana Guarilha

shadowhunters

The-Mortal-Instruments-City-of-Bones-Poster-1448058119A trilogia de Cassandra Clare “Os instrumentos mortais” acabou dando origem a uma franquia bem sucedida na literatura, e graças a esse sucesso já teve uma adaptação de seu primeiro volume para o cinema em 2013. Cidade dos Ossos- Os instrumentos Mortais no entanto não teve o sucesso esperado, e por isso  a adaptação não contemplou o restante da trilogia. Em minha opinião, o grande erro nesta primeira tentativa de adaptação foi a escolha de um elenco com pouco carisma que não fez jus ao que os fãs esperavam encontrar.O papel de Clairy  coube a Lilly Collins, filha de Phill Collins, e Jace foi interpretado pelo também britânico Jamie Campbell Bower. O filme foi dirigido por Harald Zwart e grande parte das gravações feitas no Canadá, o que me causou certa estranheza já que a ambientação em Nova York é tão frisada nos livros.

SHADOWHUNTERS  cinema

Shadowhunters na adaptação cinematográfica de 2013, a falta de carisma dos protagonistas tornou impossível que fosse filmado o restante da trilogia “Os Instrumentos Mortais”

Já a série Shadowhunters, estreou em janeiro de 2016 através do canal de Tv Freeform, e alcançou grande popularização no Brasil ao ser transmitido pela Netflix. Com elenco totalmente diferente do cinema, pareceu agradar aos fãs de Cassandra. Apesar de esteticamente mais agradável,o elenco da série ter sido aprovado pela fidelidade a descrição dos livros, não se pode deixar de frisar as críticas a sua interpretação. Confesso que já me peguei rindo em cenas onde deveria estar emocionada graças as caras e bocas desastradas de Katherine McNamara. Mas a protagonista não é a única extremamente limitada, o lindíssimo Dominic Sherwood (Jace)  parece ter somente uma expressão e o fofo Alberto Rosende (Simon) teve seus próprios momentos de humor involuntário graças as caretas exageradas.

9751ce5d-1c41-4835-af97-f2697d29c7a4

A série de Tv não trás um texto muito elaborado, porém tem o cuidado de trazer um elenco extremamente agradável aos olhos.

49a83d85-274a-4684-9976-ea49b76db7b6

Magnus e Alec.

O casal de protagonistas também me incomodou  por não conseguir convencer nas cenas românticas, e tem ficado totalmente eclipsado pelo bom desempenho de Harry Shum e Matthew Daddario, que conseguiram arrebatar o público com o amor proibido entre o bruxo Magnus Bane e o shadowhunter Alec Lightwood. O casal ,que já existe no texto de Cassandra, vem recebendo destaque prematuro na adaptação para a tv. Também me agrada o tom dado por Emeraude Toubia a personagem Isabelle Lightwood, a irmã mais nova de Alec. A Shadowhunter que não fica a dever em técnica nem força a seus irmãos, não abre mão dos trajes sensuais e é extremamente vaidosa, seria extremamente fácil uma atriz errar o tom e torná-la vulgar, mas a sensualidade natural de Emeraude torna fácil trazer Isabelle a vida.

Apesar de seus muitos erros,  a série foi renovada para uma segunda temporada, e tem feito sucesso entre seu público alvo adolescente, ainda que não seja capaz de encantar aqueles fora desse público restrito como foi a obra que lhe deu origem.

fanart-original-295837-7-jpg