Um beijo Inesquecível – Júlia Quinn

umbeijopor Mariana Guarilha 

Hyacinth era a mais nova das meninas Bridgerton e por isso viu todas as suas irmãs e irmãos terem a sua história de amor.Somente Gregory ainda estava em casa, e por ser homem tinha uma maior liberdade, e já não a acompanhava. Sua personalidade excêntrica e a habilidade de quase sempre dizer o que estava pensando parecia assustar a maioria dos cavalheiros, assim como sua falta de paciência em escutar conversas tolas.

Nestes dias em que estava já em sua quarta temporada social, era a amizade da terrível  Lady Danbury que a distraía em seu cotidiano, além dos encontros sociais, ela ainda se apresentava na casa da temível viúva para ler para ela uma vez por semana. É através de Lady Danbury que ela se aproxima de Gareth St. Clair. O neto de Lady Danbury é um famoso sedutor, com seus cabelos loiros e um pouco longos demais para a moda presos em um desafiador rabo de cavalo.

Gareth apesar de parecer só mais um nobre sem grandes preocupações sofre com uma triste história familiar. Seu pai a quem sempre tentou agradar, apesar de ser tratado por ele  como um incômodo, revela indiscretas verdades sobre seu nascimento.Além disso, está decidido a não deixar grande coisa para um herdeiro que ele não considera legítimo.

Saga

Hyacinth, que não é uma pobre menina impressionável, não se deixaria cativar pela conversa de um libertino, mas surpreende-se ao descobrir que Gareth é capaz de manter uma conversação interessante. Quando descobre o diário de sua avó italiana, escrito em sua língua materna, Gareth acaba pedindo sua ajuda na tradução. O que faz St. Claire tão apaixonante para a mais desafiadora das irmãs Bridgerton é que ele não oferece a ela somente uma história de amor, mas também uma grande aventura.

O livro tem um senso de humor peculiar, e acaba sendo menos dramático do que os anteriores. No entanto é extremamente divertido, e Gareth, apesar da fama de conquistador, consegue ser muito romântico. A descrição que ele faz de Hyacinth logo que a conhece é a mais acertada possível:

“Havia algo de muito contagioso no sorriso de Hyacinth Bridgerton, ele decidiu. Ela era esperta – muito esperta – mas havia um certo ar em volta dela, como se ela estivesse acostumada a ser sempre a pessoa mais inteligente da sala.”

Como ela poderia não se apaixonar por Gareth quando ele tão facilmente a desvendou?

Os Bridgertons - Evolução

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s