Filmes da Semana – Dicas da Mari

por Mariana Guarilha

O Justiceiro (The Punisher -2004)

o-justiceiro_t8259_jpg_290x478_upscale_q90

Dirigido por Jonathan Hensleigh, o filme trás o personagem dos quadrinhos em uma adaptação um tanto dramática. Frank Castle é um homem com treinamento militar e um forte senso de justiça que quando tem toda sua família assassinada por um chefe do crime não poupa esforços para vinga-la, tornando-se O Justiceiro. O filme apesar de prender a atenção não é muito fiel ao personagem desenvolvido na HQ, pois sua vingança é cerebral demais para um homem atormentado em busca de aplacar sua dor pela morte da família. Bom apenas para passar um tempo sem atentar muito para o que acontece na tv.

justiceiro.jpg

Innocent Thing(가시/Gaishi/Thorn – 2014)

Innocent_Thing_poster

Quando Joong Ki, um jovem professor de educação física em uma escola para moças, reage sem nenhuma responsabilidade diante dos jogos de sedução de sua aluna Yong-Eun, as coisas começam a sair de seu controle. Recém-casado e prestes a ser pai pela primeira vez, ele parece se rebelar contra a sociedade e tudo o que esta exige dele. É um filme difícil, pois ao exemplo do que acontece muitas vezes na vida real com relação ao abuso infantil, as pessoas parecem fechar seus olhos o filme todo. Algumas omissões me incomodaram, como a falta de repercussão quando é cometido um assassinato. Merecem destaque as atuações de Hyuk Jang e Jo Bo Ah. 

itazura dramas (11)

Kramer vs. Kramer (1979)

kramerQuando sua jovem esposa decide ir embora e deixar consigo o filho por causa de uma grave depressão, Ted Kramer (Dustin Hoffman) é obrigado a reorganizar sua vida. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, após um ano e meio de sua partida , Joanna (Meryl Streep) volta a cidade e entra em uma complicada disputa judicial pela guarda da criança. Me surpreendeu que um filme de 1979 tenha discursos tão progressistas com respeito a esteriótipos de gênero e seja tão delicado a ponto de não vilanizar diretamente a mãe que deixa sua casa em busca de uma vida melhor.O tratamento desumano de ambos os advogados, o desgaste do casal, tudo retratado com maestria, um filme irretocável.  kramer vs. kramer foi dirigido por Robert Benton.

kramervskramer

tumblr_npo4h7xCTM1qbhnrvo1_500A espiã que sabia de menos (Spy-2015)

Todos sabemos que a maioria dos filmes focados em grandes espiões são exagerados e propensos a humor involuntário. A Espiã que sabia de menos (deus, por que esse título total anos 80?) se aproveita de esse e de outros clichês de filmes do gênero pra fazer uma comédia de “piadas prontas” que é eficiente graças ao carisma de Melissa McCarthy. Destaque para Melissa “divando” nas cenas de ação e não deixando a desejar a nenhum James Bond em sua melhor forma.

CinePOp-1-750x380

Steve Jobs (2015)

jobsposter.jpgMostrando os bastidores dos grandes lançamentos dos produtos capitaneados por Jobs, o filme busca mostrar sua personalidade e história pessoal. Fiquei um tanto irritada por que esse esteriótipo recorrente do gênio incompreendido que tem condutas antissociais já foi tão explorado na televisão e no cinema que não me desce mais. Também fiquei decepcionada por que o filme se ateve ao Jobs empresário, não falando de sua vida pessoal diretamente, a não ser muito supercialmente quando aborda o relacionamento complicado  com a filha. O filme é redondinho, tem um ritmo acelerado, e mantém a atenção apesar de seu cenário mudar muito pouco. Talvez eu tenha uma noção restrita do que é biografar alguém, porém achei o filme distante demais, e esse é um erro que não poderia ter sido cometido em uma biografia.

20151009-steve-jobs-michael-fassbender-kate-winslet-michael-stuhlbarg-615x410

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s