Filmes da Semana -Dicas da Mari

por Mariana Guarilha

A-Testemunha-1985

A testemunha (Witness 1985)

Quando um menino Amish e sua mãe são testemunhas do assassinato de um policial, o detetive John Book é obrigado a se infiltrar na restrita comunidade Amish da Pennsylvania para protegê-los. Com um Harrison Ford totalmente em forma, e cenas de ação bem feitas, o filme foi uma grata surpresa. Está disponível na Netflix.

                                                           

O Amante da Rainha (2012)

amanterainha

Carolina (Alicia Vikander) tem um casamento no mínimo complicado com o rei Christiano VII (Mikkel Følsgaard), pois o monarca é totalmente insano. Quando o alemão Struessen (Mads Mikkelsen) se torna o médico do rei, ele não só se aproxima do monarca, mas também de sua esposa. O que era para ser apenas um tórrido romance, torna-se uma parceria e ambos passam a compartilhar seu idealismo, influenciando o rei e trazendo melhorias para o povo da Dinamarca, porém alguns políticos não ficarão contentes com suas mudanças. Minha paixão por Mads Mikkelsen não é nenhum segredo e ele está esplendido como Struessen, fora isso os figurinos e a ambientação do filme são um deleite a mais.

holmes

Sir Sherlock Holmes (2015)

Um Sherlock Holmes que no fim da vida volta a um caso não resolvido que o assombra e faz uma amizade inesperada com um curioso garoto. Ian McKellen está perfeito de Sherlock, e o garoto Milor Parker não é menos digno de elogios. A fragilidade que McKellen demonstra em seu corpo faz contraste tanto com a mente aguda do detetive quanto a juventude e visceralidade de seu companheiro. Não sei por que se falou tão pouco deste filme, ele é um primor.

theeb

 

Theeb /O lobo do Deserto (2016)

Indicação da Jordânia ao prêmio de melhor filme estrangeiro no Oscar, conta a história de um garoto (Theeb) que logo após a morte do pai se apega ao irmão mais velho. Quando este sai para guiar um estrangeiro pelo deserto, Theeb não hesita em segui-lo. Quando está sozinho na imensidão de areia, Theeb vai ter que se decidir se sucumbe a lei do mais forte ou se faz o necessário para sobreviver. Apesar da fotografia deslumbrante, tenho alguns problemas com as idéias defendidas pelo filme, me incomoda muito que a jornada de amadurecimento de Theeb se dê através da violência.

bridge_of_spies_ver3_xlg

Ponte dos Espiões rendeu um Oscar de ator coadjuvante ao britânico Mark Rylance.

Ponte de Espiões  (2015)

No auge da Guerra Fria, um advogado é chamado para forjar a defesa de um cidadão russo acusado de espionagem nos Estados Unidos. Quando os russos prendem um soldado e um estudante americanos, ele é chamado para intermediar as negociações para trocar os prisioneiros. Não achei que fosse ficar tão envolvida por um filme sobre espionagem, já que vivo dizendo que está na hora do cinema esquecer a Guerra Fria, porém o filme de Spielberg não me deixou piscar. Destaque para o inglês Mark Rylance que por sua interpretação de Rudolph Abel, foi vencedor do Oscar de melhor ator coadjuvante e ganhou um prêmio BAFTA.  (momento estranho: descobri que sou capaz de identificar o Tom Hanks pela Nuca).

poster-a3-do-filme-a-condenaco-14403-MLB3059855320_082012-F

A condenação (2010)

Após ver seu irmão ser condenado injustamente por assassinato, Beth Anne Waters (Hilary Swank) decide cursar direito. O problema é que ela nem mesmo tinha terminado o ensino médio. O filme baseado em uma história real é emocionante, ainda que o roteiro não se esforce muito para arrancar lágrimas. Fui assistir impulsionada pelos nomes de Cléa Durval e Hilary Swank que como sempre entregam boas atuações.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s